Gourmet Warriors
PC Retrô

Gourmet Warriors (PC)

Informações Técnicas

Desenvolvedor: Winds
Distribuidora: Piko Interactive LLC, Bleem!
Lançamento: 03/jul/2019
Steam: https://store.steampowered.com/app/1104460/Gourmet_Warriors/

Tem conquistas? Não.
Tem cartas? Não.

Outras plataformas: Super Famicom.

Gourmet Warriors (ou Gourmet Sentai Barayarou, no original) é um beat’em up obscuro que até então só havia saído no Japão e não tinha localização em inglês.
Originalmente lançado para Super Famicom, ganhou um port em inglês em 2019.

Após a terceira guerra mundial, o planeta Terra foi dizimado.
Uma cidade chamada Zeus Heaven Magic City possui alguns dos sobreviventes e nela há uma organização secreta que aos poucos está crescendo e tomando conta da produção de comida.
Sua missão é combater essa organização.

  • Gourmet Warriors

Considerações finais – Analisando a obra como um todo

Gráficos
Eu gostei bastante da arte do jogo, o ápice são os cenários que são super detalhados e passam uma vibe super tecnológica.

Os inimigos são bem diferentões, alguns bem bizarros. Gosto bastante dessa pegada fora do convencional, acho isso um charme nos jogos japoneses.

Porém, achei alguns frames da Mademoiselle bem estranhos. Ela fica em poses que anatomicamente parecem muito desconfortáveis.

UI e HUD
Visualmente, é um jogo bem fácil de se entendido, considerando o contexto de que é um jogo de beat’em up dos anos 90. Ele é intuitivo, acredito que mesmo quem não teve contato com esse tipo de jogo vai conseguir compreender como funciona.
Você tem uma barra de hp e ao bater nos inimigos, a barra de vida deles também é exibida.

Ao coletar os alimentos, o nome deles é exibido. Mas no caso dos que recuperam hp, não é informado quantos pontos são adicionados a sua vida.

 

Trilha Sonora e sons
Músicas animadas e que não são enjoativas.

 

Jogabilidade
Uma história bem simples e até boba, se olharmos friamente. Mas considerando ser um jogo dos anos 90 e focado em gameplay, achei até que diferentona. O foco é literalmente dar porrada e pegar comida.

É um jogo bem criativo em alguns aspectos: ao derrotar um inimigo, ele vai dropar algum ingrediente (que pode recuperar uma minúscula porcentagem do seu hp) e após derrotar o boss, você escolhe 2 ingredientes que pegou durante a fase para montar um prato. Esse prato vai recuperar uma porcentagem do seu hp para a próxima fase.

Você tem 3 personagens para jogar, cada um com uma velocidade e set de movimentos.
Não é muito intuitivo como usar os botões L e R, a dica que dou é ir pressionando eles enquanto mete porrada. Você vai descobrir novos movimentos, que irão ajudar bastante no progresso do jogo.
Particularmente achei o botão de defesa inútil. Zerei o jogo sem usá-lo! hahaha

Por outro lado, é um jogo confuso: você possui apenas uma única vida para terminar o jogo. Mas se der game over, poderá dar continue da fase onde parou. Então, a sensação do jogo ser difícil é bem falsa.
Se ao menos houvesse algum sistema de score que zerasse ao chegar no game over, sinto que haveria algum propósito para o jogador tentar finalizar o jogo sem usar o continue.

Nesse port, foi adicionado a possibilidade de utilizar save state. Achei muito útil, pois caso você queira parar de jogar e voltar mais tarde, consegue continuar de um mesmo ponto.

Eu gostei, só achei curto demais.

 

Replay e retenção
Jogaria novamente, com certeza.
É um jogo que apesar do pequenos defeitos, é divertido. Dá para matar o tempo e se divertir.

Deixe um comentário